FAMOSIDADES

FAMOSIDADES

MAIS: Selton Mello afirma que vê "Zorra Total" por Katiuscia Canoro

Por KAREN LEMOS

FLORIANÓPOLIS - Selton Mello quase enlouqueceu articulando duas funções ao mesmo tempo: a de ator e a de diretor. Enquanto gravava, era ele próprio que ajeitava o enquadramento, dava ordens aos atores e gritava "ação", ou então, "corta", quando necessário; tudo isso vestido a caráter de seu personagem.

A cena pode parecer um tanto bizarra, já que o ator dirigia maquiado, com roupas coloridas e enormes sapatos. Em "O Palhaço", Selton dá vida a um palhaço em crise, que enfrenta momentos difíceis no circo, que já não mais agrada o público como antigamente. "No entanto a crise do personagem é saudável, levando ele a dar sempre um próximo passo", contou Selton para o Famosidades, durante apresentação do filme, em Florianópolis.

Gravado parcialmente em Minas Gerais e em Paulínia, interior de São Paulo, a história do filme é, na verdade, uma comédia leve, carregada de esperança. "É feito com sonhos. A gente está precisando de um pouco de sonhos, eu acho. Quem for assistir, vai sair do cinema muito bem, com aquela sensação agradável", afirmou

Confiante na qualidade de "O Palhaço", Selton se identificou tanto com o projeto que ele mesmo pegou as rédeas e conduziu equipe de produção e atores durante as gravações do longa, para que tudo saísse do jeito que ele queria. "Foi interessante, mas foi uma insanidade ao mesmo tempo. Dirigir e atuar, e ainda vestido de palhaço? Não dá para levar a sério", brincou o ator.